quinta-feira, 10 de dezembro de 2009

Loucura... mas non tropo!

Sabem uma coisa,
Eu sei muitas mas não digo
Mas posso contar-vos o que penso
Esta é uma "Promessa de Amigo".

Às vezes pensamos errado
Quando tudo está incerto
Mas quero mudar isso tudo
E quero ter-vos por perto.

É preciso ter fé
É preciso ter Esperança
Com estes dois trunfos
Sei que vêm tempos de bonança.

Os sonhos que eu tenho
e os que ainda hei-de ter
Sei que vão ser cumpridos
Vocês um dia vão ver...

Ando meio desligada
Preciso pôr tudo no ON
Sem vontade para nada
Nem para falar ao telefone.

Por isso aqui me redimo
A todos peço desculpa
Se às vezes eu não ligo
Nem sempre é minha culpa.

O novo ano aí vem
E com ele mais desafios
Tanta coisa que eu quero
Coisas boas e desvarios.

Se pensam que são rimas forçadas
O que estou a escrever
Estão certos meus amigos
Mas... Tinha mesmo que ser.

E com esta eu vos deixo
Agora mesmo no final
A todos vocês eu desejo
Um Santo e Feliz Natal.

domingo, 6 de dezembro de 2009

Canções de Natal

http://http://www.youtube.com/watch?v=uey6VktC5ms - Driving home for Christmas (Chris Rea) ----- Quando se começa a ouvir esta música na rádio sei que o Natal está perto!!

http://www.youtube.com/watch?v=GN2idKaAjjY - Do They know It's Christmas (Band Aid) ---- Um clássico!!

http://www.youtube.com/watch?v=LLMK755Qiv4 - Santa Claus is coming to town (Bruce Springsteen) ---- Muito bom!

Estas são as minhas sugestões para que comecem a ficar envolvidos no espirito de Natal.

Já estamos no Natal!...





Pois é, já chegámos à época natalicia!... Gosto muito desta altura do ano embora ache que se tornou um pouco consumista. Quando era pequenina não pensava nessa parte mas agora vejo que realmente se apela a tudo durante o mês de Dezembro: compra das prendas, ajudar os mais desfavorecidos, vendas de solidariedade... Porque não pensar nas ajudas a quem mais necessita durante o ano todo? Enfim...
Mas voltando ao assunto, adoro os preparativos do jantar da consoada. Aquela azáfama de fazer o jantar, preparar a mesa e todas as iguarias tipicas da época... Hmmmmmm....
Lembro-me dos natais em Santo Tirso... Aiiiiii, isso é que eram natais.... Grande confusão, a embrulhar as prendas de última hora, muita gente e principalmente o "quentinho" que estava dentro de casa quando lá fora fazia um frio de rachar.
Agora há muitos outros motivos para festejar o Natal mas há dois que se destacam: Madalena e Flora. Por elas e com elas vale tudo!!!
Não faço questão que a minha Madalena acredite no Pai Natal e acho que ela já percebeu que ele não existe pois já viu prendas debaixo da árvore e sabe que foi o pai que comprou (só ainda não percebeu porque é que as dela ainda não estão lá eheheheheh) no entanto, eu quero passar-lhe as sensações que esta festa me transmite e quero que ela se divirta e que esteja feliz. Estes são os meus desejos para este Natal!
Sabem uma coisa? Eu fiz uma carta para o Pai Natal mas não mostro a ninguém (a não ser ao próprio eheheheheheh).

sexta-feira, 6 de novembro de 2009

Já lá vai um tempinho...

... Pois é, já faz algum tempo que não me dedico à escrita. Coisas da vida!! Não ando muito atarefada, talvez não tenha é muito para dizer... ou talvez tenha demais... ou talvez me deva deixar de lamurias e começar é a "deitar cá para fora" que o resto são tretas (sou ZON e não TMN para que fique esclarecido que não ando a fazer publicidade).
Enfim, vamos aos factos:
1º Facto: Estou mais velha 1 ano... Ainda sou trintinha (32) mas é um facto que já cá canta mais um aninho.
Sempre fui muito entusiasta em relação ao meu dia de anos mas devo confessar que este ano soube a pouco (para não dizer que pouco sabor teve)... Mas são coisas que acontecem e às quais tenho que me habituar, não é? Mas, fico feliz porque com muita ou pouca festa estava AQUI para comemorar mais um ano de vida e isso é bom sinal, não?
Outro motivo de contentamento foram os telefonemas que ao longo do dia foram surgindo. Pessoas que eu contava que se lembrassem e outras que me surpreenderam (ainda bem, obrigada!). Tenho pena que outras pessoas não se lembrassem mas as coisas são mesmo assim e tal como se diz "só faz falta quem cá está".
2º Facto: A minha bébé está cada vez menos bébé. Já tem 3 anos. Ai como o tempo passa. Ainda me lembro de quando nos vimos pela primeira vez... Que coisa mais fofa, rosadinha, redondinha... e a olhar para mim com os olhos meio abertos como que a dizer "olha, és tu!!". Mas o que tem de bom ser mãe e acompanhar o crescimento dos nossos filhos é que todos os dias há coisas novas para aprender, desafios para ultrapassar e, principalmente, é bom podermos apaixonarmo-nos todos os dias um bocadinho mais... Eu não sabia que era assim tão arrebatador! Aiiiiii como eu AMO a minha MADALENA.......
Bom, mas passando aos factos e dado que não tive a festa que desejava, "vinguei-me" nos anos da Balela. Fiz-lhe um bolo para levar para escola para que os "amidos" lhe cantassem os Parabéns. Ainda para o dia 27, à noite, fiz um outro bolo para o caféééééézito (que não é para me gabar mas estava divinal!) e embora com poucas pessoas fizemos a festa, lançámos os foguetes, apanhámos as canas, enfim, tudo a que tinhamos direito.
Veio então o fim de semana e aí é que foi A FESTA!! Bagunça, meninos pequeninos, bolos, prendas, quase 30 pessoas cá em casa... Até o cheiro das pipocas (que mamãe tão querida fez), que costumava haver nas minhas festas quando era pequenina, fez questão de estar presente. Foi bom e deu para "encher a barriga" de mimos e matar as saudades de paimãe, manamaislindadomundo, cunhado querido e sobrinhamaislindadomundo (pela qual me "babo" cada vez mais).
3º Facto: Continuo na luta por encontrar um emprego mas acho que este será um desejo de Ano Novo pois não me parece que ainda este ano a "coisa" aconteça mas, quem sabe.
O meu "problema" ainda está por resolver mas também espero que em breve tenha noticias para vos dar.
4º facto: Ando a pensar na renovação da minha sala e espero em breve poder mostrar daquelas fotos do Antes e do Depois ao estilo do "Querido Mudei a Casa" eheheheheheheh.

Pois como podem ver a vida não tem sido agitada mas, sabem uma coisa? Sou feliz assim.

segunda-feira, 7 de setembro de 2009

Honey, I'm home!!!


Estou de volta. Rejuvenescida, baterias carregadas e "barriguinha cheia de mimos"... É bom voltar de férias assim, revigorada.

Adoro ir de férias e estava mesmo a precisar de sair daqui por uns tempos. Deixar esta rotina estúpida que nos consome dia após dia, semana após semana, mês após mês (and so on) e entregar-me, de corpo e alma à inércia que é estar de férias e à vida fútil de praia, piscina, passeios e convivios... Aaaahhhh, como é bom não fazer nada e depois descansar!! Eheheheheh...

Agora venham "eles" que cá estarei para os receber. Estou com força e é bom que se saiba! Agora, vai tudo à minha frente eheheheheh... Preparem-se pois a Sara está de volta e não está para brincadeiras (ihihihhihihihhih, talvez só algumas!).

Sabem uma coisa? É bom estar de volta mas é apenas porque foram as melhores férias que tive nos últimos anos. Obrigada Mãe, Pai, Rita, Paulo, Flora, tios, tias, primos e afins e acima de tudo obrigada aos meus amores - Celso, Madalena e Ruben - por me terem deixado partilhar e por terem partilhado comigo estes dias magnificos em Porto Côvo.

segunda-feira, 10 de agosto de 2009

Férias como antigamente!

Finalmente chegaram as férias... Dia 16 parto rumo a Porto Côvo para 15 dias de "ramboiada e bobage".
Este ano vai ser "em grande". Vou estar com os meus primos com quem passava férias há... uns anitos (prefiro não fazer contas!)... Estou ansiosa mas sei que não vai ser como antigamente porque vamos todos estar com os/as respectivos/as maridos/mulheres e descendentes... Mas, talvez por isso, acho que ainda vai ser mais giro...
Preciso destes dias para recuperar a energia que necessito para a nova etapa que aí vem. Setembro vai ser um mês de decisões, trabalho, novas batalhas e algum stress por isso preciso de vir com a "bateria carregada" e com a força no máximo...
Pensarei em vocês quando estiver a tomar banho naquelas praias maravilhosas com água clarinha, areia branquinha... eheheheheheh... Até ao meu regresso...

Vale a pena pensar nisto....

video

Às vezes não temos a noção de como os nossos actos influenciam quem nos rodeia...

Sabm uma coisa? Este tipo de "chamadas de atenção" assustam-me... Será que estou a mandar as mensagens correctas à minha "Balela"?! Espero bem que sim, pelo menos tenho-me esforçado...

domingo, 12 de julho de 2009

Hoje estou Feliz!!!

Quando não sabemos que caminho tomar devemos ir sempre em frente... Havemos de ir ter a algum lado!!! Se não souberem, peçam informações a quem vos aparecer no caminho.
****
Nem sempre aquilo que desejamos é aquilo que temos, mas é preciso saber (con)viver com isso como sabemos... como pudemos... como queremos!
****
Querem saber uma coisa? Hoje estou feliz!!!

terça-feira, 23 de junho de 2009

Querem saber um segredo?

Primeiro que tudo gostaria de pedir desculpas aos leitores (ainda que quase inexistentes!!) pela falta de "posts" novos mas a imaginação e, acima de tudo, a vontade não me tem batido à porta... Enfim, coisas da vida!!
As noticias hoje são de mudança. Quero falar-vos da etapa que decidi iniciar precisamente HOJE. Vai ser como que uma homenagem ao meu querido São João. Comecei a tomar algumas decisões, ou melhor dizendo, comecei a delinear algumas decisões/acções/atitudes... o que lhes quiserem chamar.
Pode parecer ridiculo mas hoje peguei novamente na minha "cartilha da mudança", isto é o livro "O Segredo". Digo que é ridiculo porque é impressionante como um livro nos faz ganhar força e nos faz pensar de uma forma mais clara e racional. Pelo menos para mim... É assim que eu penso, o que é que querem!!
Só há uma coisa que me preocupa: é um segredo, não é? Então, se falam e escrevem livros sobre isso, deixa de ser segredo, correcto? Então há milhares e milhares de pessoas que se guiam pelo mesmo "guião" que eu!! ASSIM DEIXA DE SER SEGREDO!!!
Mas, sabem uma coisa? Não quero saber. O sonho é meu, a vontade é minha e o Universo vai-me ajudar certamente. No entao, pelo sim pelo não, torçam por mim!!!

domingo, 31 de maio de 2009

...


Hoje não tenho muito para dizer (até porque o dia já vai longo) mas passei por aqui apenas para dizer que está tudo bem comigo (uma vez que já não escrevia há algum tempo poderiam estar, eventualmente preocupados/as) e que finalmente faço parte da estatistica dos desempregados deste país.
Prometo brevemente contar todo este meu percurso e as minhas perspectivas para o futuro, por enquanto, preparo-me para gozar alguns dias de férias.
Beijos a todos/as.

segunda-feira, 25 de maio de 2009

Que saudades!!

Hoje quero falar de uma das coisas que faz com que o meu Mundo continue a girar: os Amigos!
Todos temos os amigos que nos acompanham desde a primária (ou até mesmo antes) e aqueles que mais tarde, por circunstâncias da vida, se foram juntando a nós.
É engraçado pensar que quando somos pequeninos e o nosso Mundo parece enorme, os amigos são aqueles que se sentam ao nosso lado ou partilham o brinquedo na hora do recreio . Há sempre alguém que se destaca no meio de tantos outros mas, no geral, todos são amigos (Graças a Deus!)... Depois vamos crescendo e as nossas prioridades vão mudando bem como a nossa maneira de vêr as pessoas que nos rodeiam.
Lembro-me de na escola haver diferentes grupos nos quais as pessoas tinham que ter certas caracterisiticas para que se pudessem enquadrar: eram os meninos do desporto, os betinhos com roupa de marca, os góticos, os punks, os motoqueiros, entre outros. (In)felizmente, nunca fui muito à bola com estereótipos e posso orgulhar-me por me dar com (quase) todo o tipo de pessoas mas fui sempre confinada a pertencer à classe dos chamados "nerd". Do género de se sentar na primeira fila, fazer os trabalhos de casa, tirar positivas... estão a ver? Mas se é esse o meu maior pecado, "so be it"!!
Mas, um dia tudo mudou. Entrei para o grupo de teatro e as opções tornaram-se infinitas. A partilha de sentimentos, os primeiros namoricos, as grandes saidas à noite e as famosas festas na "casa da Abóboda"... Aiiiiii, que saudades de alguns desses momentos! Nem tudo era fácil mas... estávamos lá todos!...
Veio então a faculdade com tudo o que de bom que possam imaginar. As amizades são diferentes quando se chega a essa altura. Tornamo-nos mais exigentes e selectivos e procuramos os interesses em comum em vez de tentar perceber o que nos distingue e nos torna tão especiais. Começamos a pensar no "depois" em vez do "agora"... Guardo boas recordações e boas amizades (ainda que sejam poucas!)...
Trinta e um anos depois cheguei à conclusão que não são as distâncias que nos separam mas sim esta vida de stress para onde somos empurrados quando nos "tornamos adultos". Não me arrependo das escolhas que fui fazendo ao longo desta caminhada (muito pelo contrário) e orgulho-me de ter gozado cada momento e cada passo que dei no entanto há uma coisa que não me sai da cabeça: TENHO SAUDADES VOSSAS!! Tenho saudades do que éramos e pena de não podermos continuar a sê-lo... em conjunto. Pronto, já disse!
Não quero, nem posso, deixar de dar um GRANDE (enorme) beijo a todos os que me acolheram aqui no Porto e que considero amigos incondicionais e para os quais estarei aqui sempre (sem pedir, sem exigir e sem julgar).
Hoje estou verdadeiramente lamechas e para vos provar o que digo, sigam este link e oiçam a música que vos dedico http://www.youtube.com/watch?v=xGbnua2kSa8 .

quinta-feira, 21 de maio de 2009

O Lobo Mau...


Pois bem fou falar-vos da personagem mais falada aqui em casa: o Lobo Mau. A Balela tem uma fixação por esta personagem desde que ouviu a história dos 3 porquinhos na escola e apanhou um gigantesco susto quando esta criatura bateu à porta da primeira casa. Mas, como se costuma dizer, "primeiro estranha-se e depois entranha-se" então, invariavelmente, as conversas vão dar a este simpático bichinho.
Já tentei por diversas vezes introduzir a bruxa má (porque elas existem e é preciso estarmos preparados) mas sem sucesso. Enfim, terei que me contentar com esta convivência que, na maioria dos dias, até é pacifica e me dá, inclusivamente, alguma ajuda na hora de comer a sopa.
Mas há um motivo mais forte que me leva a falar-vos deste tema... Pensando bem, quantos de vocês têm um "lobo mau de estimação" que ameaça deitar a casa abaixo ou comer o lanche que tão carinhosamente prepararam para alguém tão especial?Visto por este prisma parece um pouco assustador mas pensem bem: há sempre qualquer coisa que nos faz "tropeçar" no caminho de determinado objectivo. Parece que quando tudo está tranquilo "bum" aparece o "maldito lobo mau" que nos faz duvidar daquilo que até ao momento nos parecia uma escolha acertada e nos fazia sentir feliz... Nunca tiveram essa sensação? Pois eu já. Há bem pouco tempo. No entanto, acho que neste momento estou mais perto da casa de tijolo do que alguma vez já tive. Acho que há coisas que servem para nos abrir os olhos para outros caminhos que embora pareçam mais dificeis nos dão mais satisfação quando finalmente chegamos ao seu fim. Estou no inicio desse caminho mas sabem uma coisa? Não tenho medo do Lobo Mau!

segunda-feira, 18 de maio de 2009

O Panda (e todos nós) vai à escola!

Primeiro que tudo gostaria de apresentar uma nota explicativa relativa às palavras que em seguida irei proferir. Não é que o assunto seja sério, nem que o seu conteúdo seja ofensivo que não possa ser lido por menores de 18 anos, apenas quero explicar que NÃO ESTOU LOUCA!
Em segundo lugar gostava que vissem este video http://www.youtube.com/watch?v=MTqmUuKGe9Q para que possamos falar mais calmamente... vá, vão lá ver... Ok, já cá estão todos/as? Então, cá vamos nós...
ACHAM NORMAL UM PANDA NA ESCOLA? Sinceramente, vocês ficariam descansados/as se recebessem em casa uma nota da professora a dizer "Senhor Encarregado de Educação, gostaria de informar que amanhã teremos a visita do Sr. Panda que virá à escola em visita oficial. Agradecemos uma pequena contribuição para o lanche de uma ou duas canas de bambú (é isso que eles comem não é?)". Se algum dia isso me acontecer podem ter a certeza que a Balela não vai mais para aquela escola... Ai isso é que não!!
Outra coisa que me intriga: O Sr. Panda vai à escola e é recebido por um grupo de crianças que em conjunto com uma galinha (sim, é um galináceo armado em Tony Carreira) e um polvo dão voz a uma música irritante e non sense que, para além de se alojar na nossa mente, faz com que a mais pequena criancinha fique em estado catatónico a olhar para a televisão.
Desculpem, isto não é normal!!!!!! Que é feito dos Fungagá da Bicharada e do Olhá Bola Manel ou até mesmo os tão famosos Queijinhos Frescos? Ao menos aí as coisas eram mais ou menos ( e reforço o mais ou menos) normais, senão vejamos: Fungagá da Bicharada já implica confusão e barafunda aliada a um Mundo que apenas existe nos livros de histórias; Olhá Bola Manel até é simpático pois apela à entreajuda entre todos nós - "Olhá bola Manel... senão ainda te magoas..."; e Queijinhos têm que ser Frescos senão corremos o risco de apanhar alguma intoxicação que nem sabemos de que terra somos, para além de que, aqueles que eu conheço, até nos trouxeram uma visão bem engraçada da música clássica.
E agora para terminar, ACHAM NORMAL AQUELA LINGUAGEM???!!! Numa época em que queremos diminuir o fosso (cada vez maior) entre as gerações ensinam às nossas crianças a falar numa lingua que chega a um ponto em que se assemelha a um dialecto alienigena (?). Qualquer dia (como diria o Diácono Remédios) estamos a ter conversas completamente ridiculas, do género:
"Eu veu seir este neite!", ao que respondo "Oi osso ó quo nõ vois!!"
Sinceramente, não acho normal. Mas sabem uma coisa? Esta música não me sai da cabeça...

E é assim que começa...

Olá a todos, cá estou eu no primeiro post do meu blog que há tanto tempo ansiava inaugurar. Estava farta de comentar os blogues alheios por isso decidi criar o meu prórpio espaço onde posso dizer o que quero, o que não quero, o que posso e não posso. E pronto, tenho dito!!

Ainda estou em fase de arrumações (é pena não haver o Ikea dos blogues para eu ir comprar aquelas coisas todas bonitas para pôr aqui no cantinho do lado direito onde acho que ficava muito bem uma poltrona para me sentar a ler o que vocês têm para me dizer!) mas acho que ainda esta semana vai ficar perfeito, como eu quero!

Nesta primeira abordagem não vos trago grandes comentários até porque quero que voltem mais vezes e que tenham, todos os dias, curiosidade em "saber o que ELA escreveu". Apenas quero dar-vos as Boas Vindas e dizer ainda que, se vierem por bem (como diria o poeta), podem entrar sempre que quiserem e fazer deste o vosso cantinho, também!

Bem, vamos então fazer a experiência de ver como isto fica e prometo que brevemente (provavelmente ainda hoje eheheheheh) vos trarei novas ideias e coisas boas para partilhar.